5 passos para aumentar a produtividade da empresa contábil

Tempo de leitura: 5 minutos

Imagine a seguinte cena: você chega na sua empresa de manhã para trabalhar e se sente impotente e sem energia. Há milhões de coisas para fazer, mas ao analisar a sua equipe você constata que as coisas simplesmente não andam… e a conclusão chega cristalina na sua cabeça, palavra por palavra: a produtividade do seu negócio, é muito baixa. É preciso, urgentemente, aumentar a produtividade da empresa contábil.

Vai passando o dia e sua autoestima vai para o chão quando ouve um outro contador falar que está com os trabalhos rigorosamente em dia e que as contabilidades estão todas fechadas… e você fica se perguntando: “Por que isso não acontece na minha empresa…”?

O final do dia chega com um aperto no peito e uma sensação ruim de que tudo está atrasado e que problemas não tardarão a chegar. Ah, você também sente um certo desalento por não saber o que fazer para melhorar ou mudar essa situação.

Se você se identificou com essa situação, chegou ao lugar certo. Continue lendo que vou te ajudar a resolver este problema.

A verdade é que em tempos de crise e com alta competitividade, produzir mais e mais rápido passou a ser a regra de ouro para as empresas contábeis que querem alcançar grandes objetivos.

No entanto, essa produtividade e a sua melhoria, são dependentes única e exclusivamente das pessoas. São as pessoas que colocam a mão na massa e fazem – ou deviam fazer – o que precisa ser feito. A dificuldade está no fato de que as pessoas são diferentes na sua essência. Cada um é um e isto é maravilhoso, mas é preciso fazer com que cada um contribua da melhor maneira e que possa haver cooperação e harmonia entre todos na equipe para que o trabalho, ao final, seja bem realizado.

Vamos pensar em superar tudo isso? Vou te ajudar, mas preciso da sua força de vontade, muita persistência e dedicação. Veja como é possível transformar um ambiente e torná-lo altamente produtivo, seguindo estes cinco passos:

Primeiro passo: Acompanhando e Diagnosticando

Faça um acompanhamento individualizado de cada colaborador da sua equipe e diagnostique quais são as principais dificuldades que estão atrapalhando a realização do trabalho.

Fique atento à perda de tempo dos colaboradores. Cuidado com redes sociais, WhatsApp e outras pequenas tentações que podem estar atrapalhando a produtividade.

Não tenha receio de estabelecer ou melhorar os regramentos internos visando melhor aproveitamento do tempo.

Segundo passo: Treinando

Chegou a hora de analisar as aptidões pessoais de cada colaborador. Analise o desempenho deles no uso de novas ferramentas tecnológicas.

Veja se não está faltando treinamento, orientação de uso dos softwares que você possui. Vale a pena investir em qualificação. Todos os dias surgem novas e melhores ferramentas para facilitar o seu trabalho, mas tenha cuidado: veja se seus colaboradores estão realmente empenhados em usar tais facilidades para melhorar a performance do trabalho.

A zona de conforto precisa ser superada, mas isso exige um rigoroso acompanhamento do gestor ou líder de equipe.

Terceiro passo: Entendendo o que Acontece

Pessoas muito lentas e que pouco produzem precisam ser acompanhadas e orientadas para que possam melhorar o desempenho. O correto é você se sentar ao lado de cada um e buscar entender o que está acontecendo.

Há pessoas que precisam de orientações até mesmo sobre coisas bem simples, afinal a grande maioria das pessoas não passou por um processo de formação para o trabalho. Assim, a orientação e ajuda são fundamentais para superar as dificuldades.

Quarto passo: Remanejando Posições

Às vezes é preciso remanejar as pessoas para outras funções, onde possam ser mais produtivas. Isso você consegue fazer após ouvi-las e perceber que estão fazendo algo que não têm habilidade para realizar. Escalar cada colaborador na posição ideal é tarefa para você gestor ou líder de equipe. Analise as aptidões de cada um e descubra onde seus colaboradores são realmente produtivos e competentes.

Quinto passo: Substituindo

Por fim, após esgotar todos os passos anteriores sem sucesso, você precisa avaliar a real possibilidade de substituir aquelas pessoas que efetivamente não alcançaram um padrão mínimo de qualidade e produtividade. Infelizmente isso faz parte da vida de um gestor e de um líder, afinal as empresas precisam valorizar cada vez mais a qualificação profissional das pessoas visando melhores resultados.

Pessoas acomodadas e sem perspectivas de crescimento podem ser substituídas por outras que estão no mercado à procura de novas oportunidades. Nunca esqueça: líderes fracos e medíocres, aliados a uma má gestão, produzem pessoas medianas e pouco produtivas. Neste sentido, você líder ou gestor precisa ser o primeiro a buscar a excelência e torná-la um hábito de vida.

Pense nisso e mãos à obra!!!


Interessado em saber mais sobre como melhorar a gestão da sua empresa contábil?

Baixe agora o e-book “Prepare Sua Empresa Contábil Para o Futuro”.

Cadastre-se no formulário ao lado ou no final da página, caso esteja lendo no celular. Você terá acesso a valiosas dicas que certamente irão te ajudar muito. Não há qualquer custo para isto.

Contribua também com os colegas da nossa classe deixando seus comentários sobre este artigo, logo aqui abaixo.

Um grande abraço e até o próximo artigo!